Quem já teve, viu ou ouviu relatos de pessoas que tiveram cólica renal sabe o sofrimento e a intensidade desta que é considerada uma das piores dores dos seres humanos.

Algumas causas podem ser responsáveis por ela. De longe, a mais comum é a presença de cálculos (pedras) renais que se movimentaram dentro do rim caindo no “escorregador” chamado ureter (canal que leva a urina do rim para a bexiga) e obstruindo a passagem da urina. Esse bloqueio faz com que haja uma distensão e dilatação dos tecidos renais acima do local obstruído, e é exatamente esse o motivo da dor. A cápsula que envolve o rim possui inúmeras terminações nervosas, e uma vez distendida as cólicas surgem gerando o sintoma doloroso. O organismo entende que aquela obstrução não é para estar ali e tenta expulsar a todo custo, gerando contrações dos tecidos de forma cíclica, exacerbando os episódios de dor.

Com essa explicação simplória, podemos perceber que qualquer situação que cause dificuldade de passagem da urina nos canais ureterais podem gerar o sintoma.

Exemplos de causas internas dos canais urinários: cálculos, coágulos, infecções, estreitamentos congênitos ou pós cirúrgicos, tumores…

Exemplos de causas externas: compressão por tumores de outras regiões no abdome, bexiga, malformações renais, estenose da junção uretero-piélica…

Exames de imagem (ultrassom, tomografia ou ressonância) são capazes de identificar as causas na grande maioria das vezes. Porém, a avaliação urológica é imprescindível para discernir o motivo e definir a melhor forma de tratá-la.

OBS:

A consulta médica não deve ser substituída por nenhuma informação escrita. Para agendamento, entre em contato:

Clínica Primazie

Rua Borges Lagoa, 1070, cj 115

(11) 4563-3475 / (11) 98908-9519 (WhatsApp)

× Marcar uma consulta!
Agende online Agende Via WhatsApp

Agende sua consulta Online ou via WhatsApp