oda vez que nos deparamos com um paciente que foi diagnosticado com câncer é preciso muito cuidado ao usar as palavras. Muitas vezes tudo que for dito após a palavra “CÂNCER” não será absorvido por aquele que está diante de nós, ao receber essa notícia tão chocante. Porém, seja por desconhecimento, seja por um fio de esperança, ou até instintivamente, este paciente nos questiona: “mas é maligno ou benigno, doutor?”

Afinal, todo câncer é maligno ou pode ser também benigno?

Em primeiro lugar, é preciso explicar o que é o câncer, de forma simplificada: o crescimento desordenado das células de algum órgão, sem controle do organismo. Com isso, ele tem a capacidade de INVADIR outros tecidos e ESPALHAR suas células aumentando sua população, como se fosse um ser com vida própria. E, essa propriedade que só apenas as células MALIGNAS têm é a que nos faz entender definitivamente: não, câncer não pode ser benigno! Todo câncer é sinônimo de doença MALIGNA e pode se disseminar (gerar metástases) – em maior ou menor grau a depender do órgão e tecido acometido.

Apesar de ser uma doença aterrorizante, a ciência vem mostrando importantes avanços no tratamento e controle de condições outrora decretadas como sem chance, batalha perdida. Por isso, é preciso muita calma e trabalho emocional ao se ter o diagnóstico de uma doença maligna. Um conjunto de fatores, dentre eles, esperança, pensamento positivo, crença e avanços na ciência, confiança na medicina e, fé… são imprescindíveis para aumentar as chances de um tratamento bem sucedido e afastar de vez o estigma de doença sem cura.

OBS:

A consulta médica não deve ser substituída por nenhuma informação escrita. Para agendamento, entre em contato:

Clínica Primazie

Rua Borges Lagoa, 1070, cj 115

(11) 4563-3475 / (11) 98908-9519 (WhatsApp)

× Marcar uma consulta!
Agende online Agende Via WhatsApp

Agende sua consulta Online ou via WhatsApp