Um dos principais motivos para a preocupação de pacientes é o aparecimento de um cisto renal em algum exame de imagem feito devido a dores inespecíficas ou check-up. E logo surge a pergunta: cisto renal é grave?

Esse problema costuma atingir as pessoas de ambos os sexos à medida que elas envelhecem e na maioria das vezes é inofensivo. Porém, em alguns casos pode estar associado a distúrbios renais com potencial gravidade.

Vamos conhecer mais sobre sintomas e características do cisto no rim, causas e formas de tratamento.

O que é um cisto renal?

Os cistos são bolsas arredondadas cheias de água que se formam no interior dos rins. Normalmente assintomáticos, são detectados durante algum tipo de exame de imagem solicitado pelo médico.

De acordo com dados da Harvard Medical School, as chances do surgimento de um cisto renal simples vai aumentando com a idade: aos 30 anos, a probabilidade é de 5%, já aos 70 anos, o percentual de chances sobe para 36%.

Para as ocorrências dos cistos renais, as causas ainda não foram completamente definidas.

Podem aparecer cisto renal à esquerda ou cisto renal à direita com diversos tamanhos, desde subcentimétricos até volumosas estruturas de 20 cm.

A definição da conduta médica vai depender de alguns fatores, que discutiremos a seguir.

Cisto renal simples

O cisto simples dos rins é uma condição clínica benigna e não costuma causar sintomas. Suas principais características são paredes finas, de formato arredondado e regular, com conteúdo límpido e cristalino.

Porém, quando o cisto renal aumenta de tamanho, os sintomas podem ser:

  • Dores entre costelas e pelve;
  • Dor abdominal superior.

Cisto complexo

Esse tipo de cisto tem partes sólidas ou outras alterações, como contornos irregulares, septos ou fibroses. Para determinar a complexidade, é necessário realizar exames mais específicos, como a tomografia ou ressonância magnética do abdome. 

Diferentemente dos cistos simples, neste caso podemos estar diante de um tumor renal porém com características de cisto. 

A Classificação de Bosniak vai determinar o grau de acordo com o aspecto das imagens obtidas no exame e com isso orientar qual a melhor conduta de tratamento.

  • Cisto renal Bosniak 1: cisto simples e benigno;
  • Cisto renal Bosniak 2: lesões pouco complexas e benignas, que pode ser um cisto com calcificação;
  • Bosniak 3: cistos complexos que apresentam absorção do contraste utilizado no exame. Nestes casos, existe uma alta chance de estarmos diante de um tumor;
  • Bosniak 4: lesões malignas.

cisto renal e grave

O que é cisto cortical?

Muitos pacientes não entendem os termos utilizados nos laudos dos exames e chegam com muitas dúvidas. O termo “cisto cortical” refere-se à localização anatômica. Quando se fala em cisto cortical é porque a lesão está na região mais superficial do rim, que é chamada de córtex. Já os cistos parapiélicos estão próximos à pelve renal.

Doença renal policística

Essa doença nada tem a ver com cistos renais simples de aparecimento esporádico. O surgimento dos cistos pode ser iniciado ainda na idade jovem e precisa ser acompanhado por médicos nefrologistas e urologistas, porque a doença pode levar à insuficiência renal crônica. Esta doença está associada a fatores hereditários.

Tratamento de cisto renal

A maioria dos cistos renais não exige tratamento. A definição do acompanhamento médico será dada a partir dos resultados de exames e características dos cistos.

Um tratamento mais invasivo apenas será necessário em 2 situações:

  • Cistos complexos Bosniak 3 ou 4;
  • Cistos simples volumosos com dor e repercussão local.

Nos casos de cistos complexos, a retirada cirúrgica por via aberta, laparoscópica ou robótica é necessária para uma melhor avaliação e diagnóstico preciso.

Nos casos de cistos simples grandes, o esvaziamento com agulha por punção através da pele pode ser uma alternativa interessante.

Não há dados concretos para falarmos de prevenção de cistos. Ainda assim, hábitos alimentares moderados, ingestão adequada de água, atividades físicas, controle da pressão arterial e evitar o tabagismo (causa comprovada de câncer de bexiga e rim) são benéficos ao organismo.

 

× Marcar uma consulta!
Agende online Agende Via WhatsApp

Agende sua consulta Online ou via WhatsApp